sábado, 22 de novembro de 2008

O crescimento brasileiro

O Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) analisou o desenvolvimento de um grupo de10 países, o Brasil só supera África do Sul e Argentina em crescimento econômico de 1975 a 2005.

Nosso PIB per capita cresceu 35,6%, nesses 30 anos, e perdeu para o crescimento de China (896%), Índia (174,3%), Finlândia (88,5%), EUA (88,2%), Espanha (85,3%), Alemanha (79,8%) e México (49%).

Apesar do fraco crescimento, o país triplicou o consumo de energia elétrica. Já a China foi mais eficiente: cresceu quase dez vezes, mas aumentou o consumo de energia oito vezes. A Finlândia com PIB quase dobrado passou a consumir três vezes mais energia.

No quesito investimento na formação de capital fixo entre 1995 e 2004, a Rússia também entrou no grupo em análise, e o Brasil caiu para a nona posição, superando novamente apenas Argentina e África do Sul.

Esses números fazem parte do Comunicado da Presidência nº 15, "Desenvolvimento e Experiências Internacionais Comparadas", apresentado hoje pelo pesquisador Milko Matijascic, que coordenou o estudo. O painel traz dados sobre competitividade, eqüidade e sustentabilidade.

Em dez dos 11 países, as doenças cardiovasculares e os diversos tipos de câncer são as principais causas de morte. Com exceção da África do Sul, onde dispara a Aids. Na Índia, destacam-se as doenças parasitárias e infecciosas. O Brasil é o primeiro em mortes violentas; a Alemanha, a última.

fonte : site do IPEA

3 comentários:

Drika. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro Duarte disse...

http://blogprivatizado.blogspot.com/

Falcão, é o seu aluno da 310 do ano 2008, o Pedro Duarte, que um dia tava com a revista Carta Capital, no fundo da sala de aula. Dá uma passada no meu blog recem criado, abraço!

Rafaela Marinho disse...

Infelizmente, já era de se esperar o pódio das mortes violentas...
Mas trocando de assunto: QUERO MEU CHOCOLATE!!!! Hahahaha
Beijos! Bom descobrir seu blog!
Rafaela (306 - Botafogo)

 
eXTReMe Tracker